04 fevereiro 2022

MEU CABELO, MINHA IDENTIDADE, MEU ATO DE RESISTÊNCIA

| |

Oi meus seguidarlys desculpa pelo sumiço, mas estava com a gripe que todo mundo tá pegando por ai, é muito ruim a sensação, pois parece que nunca sara, mas seguimos aqui firme e forte.

Hoje eu quero trazer uma reflexão a vocês, coisas que passam na minha cabeça, e quero saber a opinião de vocês sobre esse assunto!


Eu desde de ,menina sempre lutei para ser aceita pelas amigas, pelas professoras , enfim pela sociedade como um todo, eu sempre via as princesas delicadas e fofas, eu não me sentia representada, eu não me via lá, já falei sobre isso neste post clique "AQUI" para ler o post completo.


E foi na Transição Capilar que encontrei minha essência, minha identidade, e muitos às vezes as pessoas acham que é só sobre cabelo, ou pior ainda que a maioria está pela moda do momento,  mais não é meu povo, a gente passa por tantas camadas por tantas transformações, eu olho pro meu cabelo logo após o BC (grande corte), e isso é visível nas fotos abaixo.

Eu levei anos para chegar ao meu objetivo e foi a custa de muita auto estima baixa, muitos amigos e família desacreditando do meu processo, então acredite, a maioria que entra na transição e vai até o fim, é para conquistar mais que um cabelo natural, ela tá buscando sua identidade, uma forma de afirmar o que tem dentro dela.


Eu sempre digo, que tem mulheres que alisam o cabelo, e tem o mesmo sentimento que o meu em relação ao meu cabelo cacheada, e isso é totalmente normal, eu acredito que a escolha faz parte de nossa vida, podemos e devemos escolher sempre o que é melhor para nós mesma, se você se sente plena e feliz com seu cabelo alisado, se considere mesmo uma lisa mesmo, e fim da história, o importante é respeitar a história do outro.


Então a minha pergunta é, o que te faz feliz?

Qual é a sua identidade? Sabe o que chega antes de você?


Então sabendo a resposta para essas perguntas você consegue encontrar sua realização pessoal, eu agora busco outras conquista, como um corpo mais saudável, ou melhorar minha pele, pois meu cabelo agora é manutenção, eu realmente me sinto abençoada pois me sinto feliz com tudo que conquistei, e tudo que aprendi nesses anos.


Agora começa uma nova etapa na minha vida, eu me vejo muito sedentária e isso é algo que preciso estar olhando com mais atenção, e quero compartilhar tudo com vocês, então aguardem novos formatos de textos, vídeos , etc.


Beijos e até breve.


4 comentários:

  1. O mais importante é não desistir dos nossos objetivos, acreditar naquilo que é melhor pra gente, o que me faz feliz é esta bem comigo mesma bjs.

    ResponderExcluir
  2. Oie, tudo bem? Achei bem interessante essa reflexão sobre seu cabelo. Realmente é nossa identidade. Não a toa quando pintamos, cortamos ou fazemos qualquer outra mudança muitas vezes parecemos outra pessoa. Além de mudar o que somos internamente. Um abraço, Érika =^.^=

    ResponderExcluir
  3. Olá, também estou muito sedentária e pior, engordando, tenho que mudar isso, não por questão de estética mas sim de saúde. Cabelo pode afetar a auto estima, são temas complicados. Seus cachos são lindos *_*

    ResponderExcluir
  4. Eu estou mega sedentária, engordei 10kg em menos de um ano. Preciso me erguer, mas ando me arrastando.
    Adorei a sua reflexão pq tudo influencia e o cabelo, pele tudo afeta

    ResponderExcluir